Logo

Agência Sergipe
de Notícias

Notícia

Sergipe participa do Fórum de Gestores da Agricultura do Nordeste e Minas Gerais

Essa edição do Fórum contou com a participação da secretária de Estado da Agricultura de Sergipe, Rose Rodrigues, e foi marcado por debates com foco no desenvolvimento agrário e o papel de cada setor e Estado para o fortalecimento da agricultura
26 de Março de 2018 | 15:39

A XI edição do Fórum dos Gestores Estaduais Responsáveis pelas Políticas de Apoio à Agricultura Familiar no Nordeste e Minas Gerais, popularmente conhecido como Fórum dos Secretários do NE e MG, aconteceu de 21 a 23 de março em Fortaleza/CE. Essa edição do Fórum contou com a participação da secretária de Estado da Agricultura de Sergipe, Rose Rodrigues, e foi marcado por debates com foco no desenvolvimento agrário e o papel de cada setor e Estado para o fortalecimento da agricultura.

No primeiro dia aconteceu reunião internas com órgãos de Terra, Ater e Projetos como FIDA e Bird. Nos dias 22 e 23 aconteceram os painéis, debates e discussões.

Os trabalhos foram iniciados com um painel sobre agricultura familiar e desenvolvimento sustentável, com foco na visão dos movimentos sociais. O painel teve coordenação do secretário de Desenvolvimento Rural da Bahia, Jerônimo Rodrigues, e contou com a participação do presidente da Contag Aristides Santos, secretário Nacional do MST João Paulo e coordenadora do RNCT Márcia Dornelles. 

“É um importante momento de balanço das edições anteriores. Hoje estamos apontando para duas direções: apoiando e fortalecendo o Fórum, mas. também, discutindo programas de governo que contemplem a agricultura familiar e a reforma agrária, tendo em vista as novas gestões, nos âmbitos estaduais e federal, em 2019”, destacou o secretário de Desenvolvimento Rural da Bahia, Jerônimo Rodrigues.

Dando continuidade ao evento aconteceu uma retrospectiva analítica das edições anteriores do Fórum, coordenado pelo secretário de Desenvolvimento Rural do Piauí Francisco Lima, com participação de representantes do FIDA, BID e BIRD que são os grandes financiadores de projetos da área agrária do Estado do Ceará. 

O primeiro dia de discussões terminou com apresentação das novas experiências do Estado do Ceará, coordenado pelo secretário do Desenvolvimento Agrário, Dedé Teixeira, com participação de representantes da Funceme, IICA Brasil e DIEESE. Segundo o secretário Dedé, o Ceará executa projetos que são referência no Brasil inteiro, principalmente com o apoio do governador Camilo Santana que tem prioridades com a agricultura familiar".

O secretário ainda falou da regularização fundiária no Ceará que é a mais avançada do país. "O objetivo da Secretaria do Desenvolvimento Agrário do Ceará é universalizar os títulos de terra, que são a garantia do agricultor da posse da sua propriedade garantindo assim também  novos recursos com bancos". 

No último dia do Fórum foi realizado três plenárias com os temas: XII Fórum Internacional de Desenvolvimento Territorial, apresentação do Inova Social e encaminhamentos para o próximo Fórum a ser realizado em junho de 2018. Participaram desses painéis representantes da Embrapa, IICA no Equador e secretários estaduais do Nordeste e Minas Gerais, com participação especial do Secretário do Acre.

Segundo o secretário Dedé Teixeira será feita uma reunião para que no próximo Fórum sejam incluídos os Estados da Região Norte do Brasil.

Na avaliação da secretária da Agricultura de Sergipe, o Fórum prestou importante contribuição para troca de experiências entre os Estados que implementam políticas de apoio à agricultura familiar, e também como espaço de diálogo com organização das trabalhadoras e trabalhadores e entidades de apoio às ações a exemplo do BIRD e FIDA.

Lançamento

A secretária Rose Rodrigues prestigiou oi lançamento do livro "Legado das Políticas Públicas de Desenvolvimento Rural para a Inclusão Socioprodutiva no Brasil". A obra teve realização do Instituto Interamericano de Cooperação para Agricultura - IICA e do Fórum Permanente de Desenvolvimento Rural Sustentável - Fórum DRS, com apoio do Instituto Agropolos, e Secretaria do Desenvolvimento Agrário através do Projeto São José III e Projeto Paulo Freire. 

  • Medium 0c381595307d8ed38d432d7d0e587088
  • Medium b5ebd8a4a64eeb083040c977b5563f85
  • Medium 726ed20054bd97b1102da4c3ab0adc6a
  • Medium b8c0f7ab78d633cab6da9fe31e93d1af
Medium 0c381595307d8ed38d432d7d0e587088Medium b5ebd8a4a64eeb083040c977b5563f85Medium 726ed20054bd97b1102da4c3ab0adc6aMedium b8c0f7ab78d633cab6da9fe31e93d1af