Logo

Agência Sergipe
de Notícias

Notícia

Defesa Civil Estadual leva informação e brincadeiras para crianças da Avosos

Além de comemorar o Dia das Crianças, o evento também deu instruções preventivas sobre ações de Defesa Civil, relativas à Semana Nacional de Redução de Desastres
15 de Outubro de 2018 | 09:18

A tarde da última quarta-feira, 10, foi muito especial para as crianças assistidas pela Associação dos Voluntários a Serviço da Oncologia de Sergipe (Avosos), que participaram de uma série de atividades lúdicas promovidas pelo Departamento Estadual de Proteção e Defesa Civil da Secretaria de Estado da Inclusão Social (Depec/Seidh). Além de comemorar o Dia das Crianças, o evento também deu instruções preventivas sobre ações de Defesa Civil, relativas à Semana Nacional de Redução de Desastres.

O ponto alto para as crianças foram as apresentações musicais e o teatro de fantoches, pensados como uma ferramenta didática para contribuir com o desenvolvimento psicossocial das crianças assistidas no local. Em meio a atividades e brincadeiras, contudo, a Defesa Civil buscou alcançar a conscientização de cada cidadão para a prevenção de desastres.

Segundo o Gerente de Planejamento da Defesa Civil e idealizador do evento, Cel. Carlos Alves, a escolha do público alvo não foi à toa. “A Defesa Civil somos todos nós. É um trabalho que envolve o órgão e a população. Por isso, buscamos trazer informação para as crianças, pois elas se tornam multiplicadoras e transmitem os conhecimentos para seus familiares e comunidades”, pontuou.

Na avaliação do coordenador da Defesa Civil Estadual, Cel. Alexandre José, o evento foi um momento de aproximação entre a Depec e a população. “Nosso objetivo foi informar e também proporcionar uma tarde agradável para as crianças e os seus responsáveis. Elas se divertiram e interagiram com o teatro de fantoches, as músicas e as brincadeiras”, comentou. 

A pedagoga da Avosos, Jussara Cristina Gomes, agradeceu a equipe do Depec pela realização do evento e citou informações apresentadas que podem ser compartilhadas com amigos e familiares. “É importante reforçar a necessidade de preservar o meio ambiente e não jogar lixo na rua. E também temos que saber a quem recorrer em caso de risco ou de desastres e ter o contato com a Defesa Civil sempre em mãos”, observou.

Há sete anos, Edineide da Silva leva sua filha Letícia para a Avosos, onde é assistida. Durante o evento, ela também pôde conhecer o trabalho da Defesa Civil. “Sempre que tem palestra e eventos eu acompanho e hoje pude tirar dúvidas sobre o trabalho preventivo da Defesa, que eu não conhecia. O teatro de fantoche foi muito bom. Eu me diverti e aprendi tanto quanto as crianças”, disse.

  • Medium ecaf50b45234f22b535948833d0aaa1e
  • Medium 88fcb3a62199ea5e7e56e7900a26f573
  • Medium f61e887291c49157edf04996e0baeee9
  • Medium 6a5360dadab16fe5bfa8b574008d82e9
  • Medium 3234c9ea724afc5144b6e0c2d96f202d
  • Medium 24379001e2b40635cdfa31ae799318b7
  • Medium ccb94cded5e71686e0398e6d7afc3d44
Medium ecaf50b45234f22b535948833d0aaa1eMedium 88fcb3a62199ea5e7e56e7900a26f573Medium f61e887291c49157edf04996e0baeee9Medium 6a5360dadab16fe5bfa8b574008d82e9Medium 3234c9ea724afc5144b6e0c2d96f202dMedium 24379001e2b40635cdfa31ae799318b7Medium ccb94cded5e71686e0398e6d7afc3d44