Logo

Agência Sergipe
de Notícias

Notícia

Deso implementa ações para melhorar atendimento à população

As ações atingem áreas estratégicas do funcionamento da Companhia e dão uma nova visão administradora, como a implantação de um sistema de tecnologia da informação, plano de recuperação de créditos e auditoria interna, entre outros.
16 de Março de 2007 | 08:31

A Companhia de Saneamento de Sergipe (Deso) está implantado uma série de ações para propiciar uma reorganização administrativa capaz resgatar o padrão administrativo e de atendimento aos usuários do sistema de água e esgoto gerenciado pela Deso. As ações atingem áreas estratégicas do funcionamento da Companhia e dão uma nova visão administradora, como a implantação de um sistema de tecnologia da informação, plano de recuperação de créditos e auditoria interna, entre outros.

De acordo com o diretor-presidente da Deso, Max Montalvão, existe um quadro de desestruturação administrativa e operacional que vem criando falhas repetitivas na prestação dos serviços. Outra necessidade apontada pela diretoria da Companhia é a de adequação à Lei 11.445/2007, que traça parâmetros para o saneamento básico.

"Precisamos apresentar respostas rápidas aos problemas que hoje prejudicam o bom funcionamento da Companhia. Essa reorganização administrativa e operacional vai possibilitar o controle efetivo sobre a gestão da empresa com reflexos na redução dos custos e o equilíbrio financeiro, condições fundamentais para que possamos realizar os investimentos em tecnologia e infra-estrutura operacional", explicou.

As ações contemplam, por exemplo, o desenvolvimento de sistemas de gerenciamento que facilitam o acompanhamento de todo o processo de execução da Companhia, assim como a consolidação de um banco de dados uniformizado para análise sistemática dos indicadores. O diretor-presidente explica que a Companhia está voltada também para a redução gradual do índice de perdas de volume de água tratada com vistas à otimização da oferta para a população.

"O controle de perdas de água e de faturamento vai permitir o desenvolvimento de ações preventivas e corretivas mais ágeis, reinvestindo recursos na própria operacionalização", disse Montalvão.

Outra iniciativa da nova gestão da Deso é a de implantar o gerenciamento de contas especiais, com um acompanhamento mais eficaz do atendimento, faturamento e cobrança dos grandes consumidores e órgãos públicos. "Esse conjunto de medidas vai propiciar ganhos quantitativos e qualitativos no padrão empresarial da Deso, revertendo em benefícios para a população".