Logo

Agência Sergipe
de Notícias

Notícia

Documentário "Vou Rifar meu Coração" será lançado em Sergipe

O documentário fala sobre o mundo do amor, do romantismo e do erotismo a partir do universo da música brega
31 de Maio de 2012 | 08:23

Nesta quinta-feira, dia 31, a partir das 19h30, a população do município de Moita Bonita terá a oportunidade de conferir a sessão de lançamento do filme ‘Vou Rifar meu Coração’, da diretora Ana Rieper. O lançamento acontecerá também nos municípios de Laranjeiras, Simão Dias e Canindé do São Francisco.

O documentário fala sobre o mundo do amor, do romantismo e do erotismo a partir do universo da música brega. “O filme tem passado por importantes festivais nacionais e internacionais e agora é o momento mais esperado: exibir o filme em praça pública nos lugares onde a gente filmou, para as pessoas que contam as suas histórias de dramas e sonhos de amor”, explica a diretora Ana Rieper.

As sessões são gratuitas e conta com apoio da Secretaria do Estado da Cultura (Secult) e das prefeituras locais. Em Moita Bonita, a exibição ocorrerá no povoado Catunga, no Circo Águia Azul.

Na sexta-feira, dia 1° de junho, às 19h30, o lançamento ocorre na praça Matriz, da cidade de Laranjeiras. No sábado, dia 2, a sessão será ocorrerá na ´praça Gênis Gomes, em Simão Dias. No domingo, dia 3 de maio, às 21h, será a vez da população de Canindé de São Francisco conferir o lançamento do longa-metragem na praça Matriz.

Sinopse

Documentário trata do imaginário romântico, erótico e afetivo brasileiro a partir da obra dos principais nomes da música popular romântica, também conhecida como brega. Letras de músicas de artistas como Agnaldo Timóteo, Waldik Soriano, Nelson Ned, Amado Batista, Peninha, Walter de Afogados e Wando, entre outros, formam verdadeiras crônicas dos dramas da vida a dois.

Em ‘Vou rifar meu coração’ os temas destas músicas se relacionam com as histórias da vida amorosa de pessoas comuns, enfrentando o desafio de falar sobre a intimidade de pessoas reais, em situações reais.

‘Vou rifar meu coração’ conta com o patrocínio da Petrobras, através do programa Petrobras Cultural. É também apoiado pelo BNDES, através da seleção pública realizada em 2010.