Logo

Agência Sergipe
de Notícias

Sergipe

Turismo - Viver Sergipe

Sergipe é dono de um litoral de 163 km, recheado de belas praias, e que traz ótimas surpresas para os visitantes, desde a Ilha da Sogra, no sul, até a Foz do São Francisco, ao norte. Mas seu repertório inclui ainda cidades históricas, e o quinto maior cânion navegável do mundo, localizado no município de Canindé do São Francisco, entre outros lugares convidativos. Em Sergipe é possível explorar história, cultura e ecoturismo em pequenas distâncias.

Com 160 anos, Aracaju é a capital mais jovem do Nordeste, conhecida também por ser a Capital Brasileira da Qualidade de Vida. Um refrescante mergulho nas águas mornas do Atlântico e uma água de coco dão energia para sair por aí e descobrir as maravilhas da cidade. Sem falar na Orla de Atalaia, que é um atrativo à parte. A Passarela do Caranguejo é frequentada por sergipanos e turistas, que não resistem ao petisco mais famoso da cidade, embalado ao ritmo de um bom forró pé-de-serra.

São várias as opções de passeios, tanto para quem quer descansar quanto para aqueles que buscam saber mais sobre a história e curiosidades da terra e ainda para aqueles que não dispensam uma aventura.

Praias

AtalaiaEssa praia tem seis quilômetros de extensão e fica situada a 9 km do centro da capital Aracaju. Local estratégico para quem quer tranquilidade sem estar muito longe do eixo comercial da cidade. Nela existe a Orla de Atalaia, que é um complexo de restaurantes, lojas de artesanato e atividades de lazer. A ‘Passarela do Caranguejo’ é o ponto alto da Orla, onde se concentram os restaurantes mais renomados de toda a Praia.

Caueira – A 29 km em direção ao sul do estado, encontra-se o município de Itaporanga D’Ajuda. A praia mais famosa por lá é a Caueira, com seus coqueiros, lagoas e dunas de cerca de 20 metros de altura, a região dispõe de casas de veraneio e pousadas à beira mar.

Abaís e SacoUm pouco mais distante, a 68 km, fica a cidade de Estância, que já foi conhecida como a Cidade Jardins. O município oferece ótimas oportunidades ao turismo ecológico com rios e quedas d’água, manguezais, lagoas e suas belíssimas praias. A Praia do Saco é considerada uma das mais bonitas de Sergipe e um dos locais mais badalados do litoral. É uma enseada de 5 km de extensão, que possui dunas suntuosas e grande vegetação de coqueiros. O mar é verde e calmo. Tem também a Praia de Abaís, com 20 km de extensão de águas mornas, areia branca. A infra-estrutura turística é bem consolidada, e possui pousadas, hotéis, campings e restaurantes.

Pirambu – Localizada a 75 km da capital, Pirambu alia a diversidade da natureza dos ecossistemas costeiros à beleza das praias. É nesse município que se encontra o Projeto Tamar, criado nos anos 80 com o objetivo de preservar as tartarugas marinhas. Lá também está localizada a Lagoa Redonda, lugar rodeado por dunas e que tem uma beleza encantadora.

Orla Pôr do Sol – Um dos cartões postais mais belos da capital, ela é ponto de partida para passeios de barcos, catamarãs ou Stand up Paddle (SUP) que aproveitam as águas calmas do rio Vaza Barris. A orla possui um calçadão de 600 metros de extensão repleta de equipamentos e atrativos turísticos. É eleita pelos aracajuanos como a mais bela vista do pôr do sol da cidade.

Crôa do GoréÉ uma pequena ilha localizada no rio Vaza-Barris, entre os municípios de Aracaju, São Cristóvão e Itaporanga d'Ajuda. O nome ‘Crôa’ foi dado por causa do banco de areia que fica visível no meio do rio ou mar quando a maré está baixa e ‘Goré’ por causa do mini-caranguejo que perfura a terra quando percebe a presença de alguém na praia.

Cânion do São FranciscoO Cânion do Xingó, em Canindé de São Francisco (divisa entre Sergipe e Alagoas), é o quinto maior cânion navegável do mundo. Um vale com 62 km de extensão e até 170 metros de profundidade e largura variável entre 50 e 300 metros. Formado por rochas de granito avermelhado circundado por um lago que em alguns pontos chega a ter 190 metros de profundidade. Para chegar até o cânion opte por um serviço de catamarã, escuna ou lancha para não perder nenhum dos atrativos naturais. Faz parte do pacote um mergulho nas águas do Velho Chico.

Serra de Itabaiana e Parque dos Falcões - Ao dirigir-se para o Sertão é possível visitar, o Parque Nacional da Serra de Itabaiana, no município de Itabaiana, a 56 km da capital, que reúne ecossistemas de Mata Atlântica e de Caatinga, além de rica reserva hídrica com cachoeiras que favorecem o ecoturismo. Ainda em Itabaiana, fica também o Parque dos Falcões, único local autorizado para a criação de aves de rapina. Seu fundador, José Percilho, possui uma relação de amor e carinho com as aves que cria e recupera: falcões, gaviões, carcarás, corujas etc. Trilhas, banhos de cachoeira, contato com animais selvagens, são algumas das experiências que o município de Itabaiana pode proporcionar aos seus visitantes.

Roteiro do Cangaço – No município de Poço Redondo, a 184 km de Aracaju, nas margens da estrada está o pequeno Centro de Artesanato, onde é possível, além de apreciar e adquirir peças do artesanato sergipano, conhecer a produção em madeira do grande artesão da região, o Mestre Tonho. Nessa cidade, também fica localizada a Grota de Angicos, onde em 1938, o lendário Lampião e sua companheira Maria Bonita e mais nove cangaceiros, foram capturados e morreram numa emboscada. Para chegar até o local, é necessário seguir pela trilha de Angicos, que permite ao visitante manter um contato com os ecossistemas da caatinga. A outra opção para chegar ao local, é pegar o catamarã que parte de Canindé de São Francisco seguindo pelo rio São Francisco, até chegar à grota. Quem tiver disposição poderá subir até o Mirante Secular e apreciar a bela paisagem. O Mirante foi construído no século XIX como espécie de farol para orientar os barcos a vapor que se arriscavam no rio São Francisco.

Palácio-Museu Olímpio CamposDe grande importância histórica, política e cultural, o Palácio Olímpio Campos  é um dos mais importantes patrimônios do estado, datando seu projeto da época do Brasil Império. Sua construção foi iniciada em 1859 e concluídas em 1863, na presidência do Dr. Joaquim de Mendonça. Em 1985, o Palácio Olímpio Campos foi tombado por ser um dos mais significativos monumentos da arquitetura oficial e importante referencial da história política e da cultura sergipanas. Em 2010 o Governo do Estado promoveu a restauração do patrimônio e destinou sua utilização para fins didático-pedagógicos e culturais, transformando-o Palácio-Museu. Em seu interior se conta a história política e cultural do monumento e da República de Sergipe através de guia para visitação, curadoria, pesquisa, documentação histórica, cafeteria e livraria etc.

Catedral MetropolitanaLocalizada no Parque Teófilo Dantas, no Centro da cidade, a Catedral de Aracaju é considerada um dos monumentos mais significativos da arquitetura religiosa da cidade. Tombada como patrimônio estadual, a catedral teve sua construção concluída em 1875. A sua estrutura conta com um estilo eclético, da fase de transição do século XIX para o XX, com características marcantes do neogótico e elementos do neoclássico. A pintura do interior da Igreja foi executada por Orestes Gatti e Rodolfo Tavares. A imagem de Nossa Senhora da Conceição, que é a Padroeira de Aracaju, é obra de Pereira Beirão.

Museu da Gente Sergipana – O antigo Colégio Atheneuzinho hoje sedia o Museu da Gente Sergipana. Fundado pelo então Presidente da província de Sergipe D’el Rey, Graccho Cardoso, o Colégio Atheneu Dom Pedro II iniciou as suas atividades em 1926 e ficou neste prédio até 1969, quando precisou mudar para um outro edifício. O espaço recebeu diversas instituições até ser totalmente desativado em 1996.  Em 2009 foi iniciado o projeto de restauração do prédio,que teve as suas memórias e elementos caracterizadores da sua arquitetura totalmente recuperados. Seguindo à risca o projeto original do prédio, foi possível restaurar elementos arquitetônicos e as pinturas parietais escondidos embaixo de diversas camadas de tintas.

O resultado final de todo esse processo de resgate histórico e arquitetônico resultou num complexo cultural que une passado, presente e futuro que conta a história de Sergipe por meio de recursos audiovisuais e tecnológicos. O Museu da Gente Sergipana foi o projeto vencedor do Prêmio "O melhor da arquitetura 2012" na categoria Restauro, é promovido pela Editora Abril, através da Revista Arquitetura e Construção.

Laranjeiras – Situada a 20 km ao norte de Aracaju, a cidade é reconhecida também como Patrimônio Histórico e Artístico Nacional pelo Iphan. Laranjeiras abriga um patrimônio material e imaterial riquíssimo, formado por belíssimas igrejas e um grande número de grupos folclóricos originais. A cidade sedia o Encontro Cultural de Laranjeiras, que tem como enfoque principal a cultura popular. Abriga também grande riqueza folclórica.

São CristóvãoA cidade, que fica localizada a 25 km de Aracaju, foi fundada em 1590 e é considerada a quarta cidade mais antiga do Brasil. Com acesso fácil e rápido saindo da capital, pode-se visitar aquela que foi a primeira capital da então Província de Sergipe Del Rei. Tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – Iphan – preserva um conjunto arquitetônico colonial que encanta pela harmonia e é um verdadeiro mergulho no passado.

  • Medium 2ddecce7b464cb39e574a613f378b766
  • Medium 5108405ba4271dbcd380fd46408ea408
  • Medium 172d9a96490f4aa1fc3ce3bcf6c0cbe4
  • Medium 839f27aefb410fb5e89f582a665dc1d8
  • Medium 7e7e8e7dabb3b30550ba85ec62290648
  • Medium 2cc1397c7c51032748fad5abf663ac4c
  • Medium 3b87f5d9d249814f83a23fbb923313be
  • Medium fb2fe3974abcb0ec2e5295a177f12cbe
  • Medium bc963a0f48890a510831d0a19fb32b50
  • Medium 096854f1284ec8b99901e7a150265a40
  • Medium f97c28330546a32b0757960ee102e810